Bigstock Training Concept Wooden Bloc 361101817

Como a tua empresa pode beneficiar de ter uma cultura de coaching? Descobre os 7 passos para o atingir

O Coaching não está limitado a Executivos ou grandes Empresas que têm objetivos muito específicos. De facto, os resultados do Coaching podem ser espetaculares e se o integrarmos no ADN da nossa companhia, como parte de nossa cultura de empresa independentemente da sua dimensão. 

Mas o que é que significa ter uma Cultura de Coaching? De forma muito simples, tem que ver com o facto de dar apoio aos seus empregados de forma a que possam aprender novas skills e tornarem-se grandes ativos para a empresa. E devido a essa cultura de Coaching as empresas terão maiores probabilidades de orientar o seu negócio para o sucesso. Sucesso que podemos traduzir em três grandes benefícios:

1. Maior compromisso das equipas

Se uma equipa está envolvida, os níveis de produtividade, criatividade e de retenção, são maiores. O verdadeiro desafio é fazê-lo de forma sustentável, e é aí que o Coaching tem um papel fundamental. 

2. Um melhor estilo de gestão

A cultura de Coaching impulsiona uma maior ligação e melhores relacionamentos entre colegas de trabalho. As equipas mais valorizadas e comprometidas acabam por ter um impacto direto no negócio. 

3. Melhor performance de resultados

A cultura de Coaching melhora o desenvolvimento dos skills das equipas, cria melhores líderes e impacta os resultados do negócio.

Os benefícios são evidentes, e muitas organizações que têm investido na criação de uma cultura de Coaching, reconhecem que não poderiam viver sem ela. 

Se tens nos teus planos começar a transformação através do Coaching, qual o caminho que deverias seguir?

1. Avaliação 

O primeiro que temos de fazer é perceber quais são as necessidades da nossa empresa, para preparar um plano que nos permita maximizar as oportunidades e fortalezas. 

2. Escolher os Coachs adequados

É extremadamente importante contar com um Coach certificado durante o processo, e que obviamente demonstre experiência em contexto empresarial. Adicionalmente se o Coach experimentou na sua própria realidade processos semelhantes pode de facto acrescentar valor, pois algumas situações que acontecem durante a transformação são comuns em várias organizações, embora não sejam exatamente iguais. 

3. Identifica um modelo de Coaching que seja simples

Precisamos de identificar os “early adopters” e um framework de Coaching que seja simples. Só assim teremos a certeza de que todos estamos familiarizados com o método e linguagem utilizado, o que nos vai ajudar a superar a resistência à mudança que poder haver por parte de alguns membros da organização. 

4. Formar Coaches internos

Se capacitamos líderes internos, criamos um contexto mais sustentável e sólido para impulsionar a mudança. Ao conhecerem em detalhe e perceberem a cultura e interesses da organização, os Coaches internos ajudarão a melhorar significativamente o nivel de compromisso, produtividade e desempenho. 

5. Criar uma política

Para garantir o desenvolvimento e implementação de uma cultura de Coaching, ter uma política é mandatário. Esta política deve incluir performance reviews, competências chave, Sistemas de compensação, critérios de seleção e promoção, etc.

6. Vive-o

Temos de deixar que a cultura flua de forma natural na organização, começando pelo Top Management. Como? Alguns exemplos:

  • Reconhecer, celebrar e recompensar as perguntas vs as repostas. 
  • Promover a comunicação, especialmente a escuta ativa.
  • Aceitar e promover a diferença.

7. Medir & Aprender

É chave medir o sucesso e avaliar se a organização está a implementar a cultura da forma certa para atingir os objetivos estabelecidos. É por isso que devemos criar métricas válidas e feitas à medida de nossa organização. Alguns exemplos: 

  • Atingimento dos objetivos individuais e coletivos.
  • Mudança de comportamentos: Desenvolvimento de competências, construção de relações.
  • Eficiência e rapidez na implementação.
  • Clientes e equipas satisfeitos. 

E devido à continua avaliação das métricas retiramos aprendizagens que nos permitem ter novas perspetivas para quando definamos os próximos passos. 

Em sumario: uma cultura de Coaching não so tem impacto em temas específicos das equipas e resultados da companhia, mas também provoca uma transformação mais profunda, sendo um facilitador para criar um melhor ecossistema entre a organização e as pessoas. 

E se os passos a seguir são claros, não há motivos para não começar a implementar uma cultura de Coaching na tua empresa. 

Faz do Coaching a Way of Being!

Oliver Pérez Ebook

Faça o download da sua cópia gratuita

da “Thinking partnership tool”, que te vai ajudar a definir os teus próximos passos, ou os da tua empresa.

Download pdf

Subscreve a minha newsletter e recebe as últimas novidades.

© oliverperez.com